Buscar

Economia X Meio Ambiente

Atualizado: Mar 19

Preocupar-se com a pauta ambiental agora é uma das maneiras mais seguras de reduzir possíveis prejuízos à economia. A crise climática é inevitável e os recursos naturais do planeta são esgotáveis. Somado a isso, tragédias e desastres “naturais”, como rompimentos de barragem, pandemias, enchentes, deslizamentos de terra e queimadas são alguns dos muitos eventos que afetam a economia e que podem ser evitados com um planejamento socioambiental.


Desastres

Imagem de Hermann Traub por Pixabay

Atentar-se ao meio ambiente e às suas necessidades não é uma questão meramente ambiental. É uma pauta de inclusão social e também econômica. As chuvas e o desmatamento parecem não afetar você, que vive no centro da cidade em sua casa/apartamento, mas já parou para pensar em quais são as consequências de certos eventos naturais para os menos favorecidos? A parcela mais pobre da população é a mais afetada, pois suas moradias além de precárias também são periféricas, o que faz com que muitas vezes sejam construídas nas encostas dos morros. Um período de chuva pode fazer com que muitas dessas pessoas fiquem sem suas casas, já que foram construídas sem um planejamento ambiental e auxílio do Governo, fadadas a desmoronar por conta de enchentes e deslizamentos de terra. Mais um exemplo de desastre ambiental que combina falta de fiscalização e negligência são os rompimentos de barragens, como os casos de Brumadinho e Mariana, que sensibilizaram o país. Além da perda de vidas, as economias locais também são impactadas.


Crise do Clima

Imagem de Kevin Snyman por Pixabay

Ativistas e estudiosos do clima avisam há anos que estamos perto de um colapso climático, que terá relação direta com nossa saúde. A cada aumento de gases do efeito estufa devido à energia, ao transporte e à indústria o ar das nossas cidades fica mais poluído, prejudicando nossa saúde e nos fazendo gastar progressivamente com medicamentos.

Apesar do gasto individual ser um fator, há também a preocupação internacional com as mudanças climáticas, acarretando em uma pressão de empresários e governos internacionais em relação à política ambiental brasileira. Muitos acordos deixam de ser feitos por conta das leis ambientais brandas do nosso Governo.


Pandemia

Imagem de TheOtherKev por Pixabay

Como vimos nesse post, a pandemia é um resultado de como lidamos com o meio ambiente. O surgimento do novo Corona vírus está ligado diretamente à nossa relação com os animais e como os vemos como objetos de consumo. Ademais, o desmatamento também tem sua parcela de culpa e será um dos possíveis responsáveis pelas próximas pandemias. O desequilíbrio ambiental provocado pela ação humana acaba por ocasionar a vinda de animais silvestres aos grandes centros urbanos, e com isso a transmissão de vírus característicos deles para nossos animais domésticos e, consequentemente, para nós, humanos. Com a pandemia, o comércio e a sociedade parou, milhares de pessoas perderam seus empregos e anos de crescimento econômico foram interrompidos


A economia é apenas uma das razões para que tornemos o meio ambiente um tema central na política e na sociedade. Vidas dependem disso, e a nossa casa também.


Para saber mais:

Nexo Jornal: “Por que precisamos de uma agenda urbana do clima” e “A recuperação da economia será verde ou não será”

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo