Buscar

Estudo prevê aumento da capacidade de energia mundial até 2050

Apesar da pandemia da COVID-10, o setor de energia conseguiu se manter estável

Imagem: reprodução Fulltech

O conceito de energia está relacionado à capacidade de produzir trabalho. A energia modifica a matéria, na maioria dos casos, de forma irreversível. A forma de energia mais utilizada no mundo atualmente é a elétrica, que pode ser obtida de diversas formas, mas sua principal fonte é a água, por meio das hidrelétricas.

A força da água é responsável pela geração de energia, e o processo consiste em grandes volumes de águas represadas que caem pelas tubulações fazendo girar turbinas acopladas a um gerador, produzindo assim energia elétrica. As redes de transmissão são responsáveis pela distribuição da energia elétrica para as diferentes regiões.

Entre as desvantagens desse tipo de energia, a principal está relacionada ao espaço ocupado pelo represamento de rios para a construção das barragens. Esse espaço pode se situar em áreas de reservas florestais, ricas em fauna e flora, que contribuem para a manutenção da vida em determinadas áreas. Além disso, essa área pode ser habitat de comunidades indígenas e populações tradicionais, que vêem nesse espaço não somente um local de moradia, mas também um espaço afetivo.

Segundo o relatório internacional desenvolvido anualmente pela Statkraft, empresa hidrelétrica, apesar da pandemia da COVID-19 o segmento de energias renováveis conseguiu manter seu crescimento. O estudo destaca tendências no mercado para uma transição energética até 2050, com base em modelos internos e externos.

Em sua quinta edição, o estudo mostrou que a partir de 2035, em todo o mundo, a energia solar será a maior tecnologia utilizada para a geração, ultrapassando a eólica, hidrelétrica, carvão e gás. Isso irá ocorrer devido à redução de custos do segmento, sua flexibilidade em termos de localização e praticidade se comparada a outras.

Com isso, o relatório prevê que após quinze anos com a energia solar sendo a maior fonte de energia, a capacidade mundial aumentará três vezes até 2050. Esse aumento se dará por meio do crescimento do uso de energias renováveis. Os fatores motivadores dessa transição são as mudanças climáticas geradas pela poluição ambiental e a diminuição dos custos e aumento da capacidade das energias renováveis.

3 visualizações0 comentário